Segunda-feira, 14 de Junho de 2010

Depois da “vitória” de Geert Wilders na Holanda, os nacionalistas flamengos conseguem uma vitória sem aspas e sem precedentes na Flandres.

 

A Nova Aliança Flamenga (N-VA), partido separatista liderado por Bart de Wever atraiu votos da coligação cessante do primeiro ministro Yves Leterme, tornando-se a primeira força política na Flandres onde vive a maioria da população (cerca de 60%).

 

Paradoxalmente, a vitória da N-VA poderá conduzir pela primeira vez desde os anos ‘70 um francófono a assumir o posto de primeiro-ministro. Bart De Wever reafirmou este domingo que não está interessado no cargo e garantiu estar “disposto a sacrificar-se” e deixar para um francófono a tarefa de dirigir um governo federal de coaligação… tudo em nome de uma desejada independência flamenga.

 



publicado por Marco Moreira às 10:38
 
Pesquisar neste blog
 
Redes
RSS Facebook Twitter Flickr Videos Sapo
Ligações
este blog utiliza pontos de exclamação!

!!!

 Ilustração de Pedro Vieira

prémio 'best non-english jewish blog' em 2007

Judaica fm

 

blog Judaica fm