Quinta-feira, 21 de Maio de 2009

Há mais de um século que esta história complexa e absolutamente singular apaixona estudiosos dos mais variados ramos do saber, dentro e fora de Portugal. E se hoje os aspectos parcelares de dois milénios de civilização judeo-portuguesa estão amplamente estudados, são também dos mais mal resumidos, o que explica que sejam tão mal conhecidos fora dos círculos especializados. A presente síntese vem colmatar essa lacuna.
 
Portugal tem um olhar único sobre a história judaica. No imaginário nacional, o judaísmo pertence não apenas à sua tradição cultural, mas também à sua genealogia. Na época medieval, os monarcas portugueses garantiram aos judeus mais protecção e segurança do que qualquer outro país europeu. 
 
A entrada de Portugal na era moderna fez-se, porém, no decurso de um processo de “cristianização” violenta de toda a sua vasta comunidade judaica, e os descendentes desta, quando não puderam, ou quiseram, sobreviver como judeus no exílio, misturaram-se em grande número ao resto da população. Os que se exilaram e vieram a fundar, ou desenvolver, dezenas das mais dinâmicas comunidades judaicas do mundo moderno, nem por isso deixaram de reivindicar além-fronteiras a identidade contraditória de “judeus do desterro de Portugal”.
 
Bio do autor
 
Carsten L. Wilke é doutor em Estudos Judaicos pela Universidade de Colónia e estudou na Escola Prática de Altos Estudos de Paris. Foi professor nas universidades de Heidelberg, Düsseldorf e Bruxelas, e é actualmente investigador no Instituto Steinheim de História Judaica Alemã, em Duisburg. Autor de numerosos livros e artigos, Carsten Wilke tem-se dedicado ao estudo das transformações vividas pelo judaísmo europeu, desde o criptojudaísmo do Renascimento ibérico até o modernismo rabínico do século XIX.
 
Apresentação da obra em português

As «Edições 70» e a «Associação Portuguesa de Estudos Judaicos» tem o prazer de convidar os leitores do Menino Rabino para o lançamento do livro HISTÓRIA DOS JUDEUS PORTUGUESES, a realizar no dia 4 de Junho, quinta-feira, pelas 18:30 horas, na Livraria Almedina (Atrium Saldanha, loja 71, 2º piso, Lisboa). A sessão contará com a presença do autor e a obra será apresentada pelo Sr. Roberto Bachmann, Presidente da «Associação Portuguesa de Estudos Judaicos».
 
Entrevista a Carsten L. Wilke
 
Clique nas páginas abaixo ler o "preview" da entrevista a Carsten Wilke e crítica do livro por José Manuel Fernandes, director do jornal PÚBLICO, na edição da passada sexta-feira, dia 20 de Junho:
 
 

Um agradecimento especial ao meu amigo e tradutor do livro, Jorge Campos Costa e ao jornal PÚBLICO, na pessoa do seu director, José Manuel Fernandes pela total disponibilidade de informações e para a criação deste "post"



publicado por Marco Moreira às 09:41
Terça-feira, 05 de Maio de 2009
«A religião é boa para o mundo?»
 
Mais de 1500 pessoas assistiram no Temple Emanu-El em Nova York, uma das maiores sinagogas do mundo, a um debate entre Christopher Hitchens, ateu militante, autor do polémico livro "God Is Not Great: How Religion Poisons Everything" e o Rabino David J. Wolpe do Templo Sinai em Los Angeles, que a Newsweek chamou de rabino n.º 1 dos Estados Unidos da América e autor do livro "Why Faith Matters". Assistam aqui:
 


publicado por Marco Moreira às 09:24
 
Pesquisar neste blog
 
Redes
RSS Facebook Twitter Flickr Videos Sapo
Ligações
este blog utiliza pontos de exclamação!

!!!

 Ilustração de Pedro Vieira

prémio 'best non-english jewish blog' em 2007

Judaica fm

 

blog Judaica fm